Blog

Capitólio – Roteiro de 3 dias


Os detalhes de cada dia podem ser encontrados no post original sobre Capitólio AQUI.

Foram 3 dias em Capitólio e de verdade, calculamos mal, pois poderíamos ter ficado por lá de boa por uns 7 ou 8 dias tal a quantidade de opções gostosas a curtir por lá. Hoje vocês vão conhecer esse pedacinho de paraíso e tá gente, eu sei que “pedacinho de paraíso” é clichê a bessa, mas caramba, eu não consigo encontrar outra palavra que descreva melhor o que eu encontrei por lá. E quando até os próprios moradores escolhem esse nome para batizar um dos locais a ser visitado, aí eu ganho meu aval né?

O que foi difícil por lá? O Hotel! Se você não quer correr riscos, faça sua reserva pelo Booking AQUI e aproveite as vantagens como: Cancelamento Gratuito, Pagamento só no momento do Checkin e alguns outros benefícios se for cliente Genius.

Chegamos a Capitólio de carro, depois de um fim de semana em que tínhamos por objetivo conquistar o cume das Agulhas Negras no Parque Nacional de Itatiaia- RJ. De lá, eram mais 6 horas e meia diretas porém, escolhemos pernoitar em Conceição dos Ouros já em Minas Gerais e terminar o percurso de 4 horas bem cedinho.

 

,As estradas que levam a Capitólio a partir do RJ são particularmente bem cuidadas, algumas um verdadeiro tapete viu, dá pra ir sem medo de ser feliz! São 636 Km da capital carioca e mais ou menos 460 Km da capital paulista. Já de BH o negócio fica melhor, pouco mais de 280 Km.
O que tem pra fazer em Capitólio?
Em Capitólio, a vibe é de trilhas, natureza, cachoeiras, mergulhos entre lindos cânions. Ótimo para quem curte colocar os pés em pedras e se molhar em quedas de água fresquinhas. Uma perfeição para os apaixonados por fotografia pois os cenários são de tirar o fôlego e você fica até perdido de tantas possibilidades
Roteiro de 3 dias em Capitólio
Dia 1 – Chegada e Passeio de Lancha pelo lago de Furnas.
Dica : Para o passeio você pode levar umas garrafinhas de água mineral e caso alguém beba, as suas cervejinhas. Em frente a ponte do Rio Turvo tem um grupo de vendedores e se você pedir ao Fernando, ele descola um isopor pequeno para manter tudo geladinho.

Pesquise e Reserve sua acomodação aqui ó: RESERVA DE HOTEL
Resumo do dia 1:
07:15 – Saída de Conceição dos Ouros e café da manhã na padaria.
11:00 – Chegada e papo descoberta com Fernando
11:30 – Check-in no Cyrilos (A diária para 3 saiu a 200 reais) Capitólio não tem Hostel
12:30 – Almoço no restaurante Bica D’água do Sr. Vicente (49 reais para 3 pessoas: PF + Coca-Cola)
13:30 – A postos pro passeio de lancha marcado pra 14:00  (Entre 50 e 70 reais por pessoa negociáveis)
18:00 – Estávamos de volta ao Hotel para um banho decente, leve descanso.
20:00 – Jantar no restaurante Central, bem na esquina da Igreja Matriz. (Jantar para três, bem servido, com cervejas e Ice 82 reais)
22:00 – Hora de mimir … exaustos!

Esse definitivamente foi o dia de entender o motivo pelo qual muita gente se refere a região de Furnas como o “Mar de Minas”, realmente um espetáculo a mistura entre o que a natureza criou e o homem impactou. Se, durante a época de criação da hidrelétrica, foram gerados tantos problemas, o que encontramos hoje é um forte potencial turístico e uma preocupação em fazer isso da melhor forma possível.
Dia 2 – Dia de conhecer o “Paraíso Perdido”

Resumo do dia 2:
08:00 – Café da Manhã de pop star no Cyrilus
09:00 – Rolê na cidade e compra de biscoitos e água na “Casa das Carnes e Frios”
10:00 – Chegada no Paraíso Perdido
17:30 – Janmoço no restaurante Bica D’água do Sr. Vicente (78 reais para 3 pessoas: PF+ Bolinho de Tilápia + Coca-Cola e Cervejas)
19:00 – Hora de descansar e depois mimir … exaustos de novo!

Eu tinha a ideia de que encontrar o paraíso perdido deveria ser algo bem difícil, mas para minha surpresa, tem placas indicando o caminho rsrsrsrsrs. Aiiii piada que não consigo resistir a fazer. Enfim, na estrada que liga Passos a Capitólio alguns km depois da ponte do Rio Turvo (sentido Passos) e logo após a entrada principal de Furnas, você avistará as placas bem do lado direito da pista. Nada difícil de avistar. Depois de uma estradinha de terra, que dura pouco e é bem cuidada e sinalizada, você encontrará a entrada para o Paraíso perdido de Capitólio (Mantenho minha fé de que existam outros, vai) .
Dia 3 – Condomínio Escarpas do Lago – Cânion e Cachoeiras surpresas!

Resumo do dia 3:
07:30 – Café da Manhã de pop star no Cyrilus
08:00 – Rolê na cidade e compra de biscoitos e água na “Casa das Carnes e Frios”
09:30 – Chegada no Cânion
13:30 – Almoço no restaurante Bica D’água do Sr. Vicente (70 reais para 3 pessoas: PF+ Bolinho de Tilápia + Coca-Cola)
14:15 – Volta para o RJ e chegamos já mais de 23:00 …
O que faltou fazer em Capitólio

  • Serra da canastra – Passeio que sai de São Roque
  • Mais tempo nas cachoeiras do último dia .. no Cânion
  • Trilha do Sol
  • Trilha de Cachoeiras do outro lado da estrada na direção do Cânion
  • Cachoeira da Filó
  • Roças
  • Morro do Chapéu
  • Usina Hidrelétrica de Furnas

Pois é, faltou mesmo um tantão de coisas, mas daí fica sendo a desculpa perfeita para voltar logo, logo pro paraíso que tão pouca gente conhece. Pelo menos, nas minhas redes, foi uma novidade para todo mundo. Choveram perguntas a respeito do lugar e como eu descobri ele. E eu nem adoro lugares intocados, imagina!
Mais dicas e informações

  • A cidade de Capitólio fica a 20 Km do Rio Turvo de onde saem muitos passeios de Chalana e Lancha e um pouco mais da entrada do paraíso perdido.
  • Os preços de fim de semana e feriados podem ser melhores mas em compensação tudo estará um pouco mais cheio.
  • Não aconselho ir a cachoeira da Lagoa Azul através da estrada. Você pagará ingresso e no passeio de lancha irá na mesma Lagoa Azul mas já incluso.
  • Negocie sempre preços de diárias
  • Reserve seu hotel para garantir sua estadia nos dias em que você está procurando AQUI

 

Preserve! Preserve! Preserve!
Capitólio precisa de nosso olhar, de nosso cuidado e de nosso respeito. Pessoas como o Sr. Hebert são poucas ainda mas nós temos o poder de nos transformarmos em militantes do bem e da natureza. O lugar não tem estrutura para receber uma quantidade muito grande. Pelo menos ainda não. Todo cuidado é importante. Cuidado com o uso de protetor solar dentro dos rios, em maior escala, isso pode impactar de forma negativa. Treine seu olhar e proteja o paraíso, todos aqueles que encontrar. Leve seu lixo embora, não alimente os animais … você sabe né? Só colocar em prática!

A frase é célebre e eu com meu sangue mineiro, não poderia deixar de compreendê-la ainda mais: Minas Gerais, quem te conhece não esquece jamais!

Os detalhes de cada dia podem ser encontrados no post original sobre Capitólio AQUI.

Beijão para todos vocês!

Tati Batista (Viajanderia.com)

Este post foi criado com o nosso formulário super fácil e rápido! Envie seu post!


Comentários do Facebook

comentários

1 Comment

1 Comment

  1. hugo

    17 de janeiro de 2017 at 13:47

    E os campings? Tem opção?

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

To Top

E aí, tudo bem? Bora logar!

Entrar

Esqueceu a senha?

Ainda não tem uma conta? Cadastro

Fechar
de

Enviando Arquivo…