Blog

Já passou um perrengue na sua viagem? Esse foi o meu!

 Acho que realmente somos loucos!!! Resolvemos ir a Natal no impulso e sem muita informação ou programação. O que fizemos foi reservar uma pousada para os primeiros dias e encarar…Não façam isso!!

      O primeiro dia foi uma maravilha, saímos de manhã muito cedo para nossa caminhada diária e pegamos a orla da praia  de ponta negra, muito linda por sinal e seguimos caminhando pela beira do mar. A ideia era ir ao Forte dos Reis Magos, só que não tínhamos noção nenhuma da distância.Quando percebemos estávamos caminhando pelo parque das dunas e não tinha saída da praia, era continuar ou voltar. Como tínhamos andado alguns quilômetros resolvemos seguir em frente e a cada nova enseada achávamos que na próxima iria chegar ao fim. Quatro horas após o início de nossa jornada avistamos uma saída que dava num posto de gasolina e tinha um trevo, foi a salvação! Subimos (lá é tudo ladeira para se chegar a praia) e pegamos informação, acabamos tomando um ônibus urbano que nos deixou a quase um quilômetro do tal Forte, mesmo assim, objetivo é objetivo. E fomos em frente.

Forte dos Reis Magos, Praia do Meio, Natal-RN - Foto: Canindé Soares

Forte dos Reis Magos, Praia do Meio, Natal-RN – Foto: Canindé Soares

      Vale a pena, a construção histórica é fantástica, a localização e a vista impagáveis e as histórias que os guias contam sobre os acontecimentos no local interessantíssimas.

      Para completar a aventura que não aconselho a ninguém (tem meios mais prazerosos de se fazer o mesmo roteiro e ainda sobra tempo para curtir a culinária da região), resolvemos atravessar a Ponte Newton Navarro a pé, pois tivemos informação de que na praia da Redinha que fica do outro lado tinham vários quiosques com peixes e pratos muito saborosos. Fomos. Descobrimos que ninguém atravessa a ponte a pé, tem mais de dois quilômetros! (oficialmente 1,8km)

Parque das Dunas - Foto: Canindé Soares

Parque das Dunas – Foto: Canindé Soares

      Finalmente chegamos na Praia da Redinha, parece uma colônia de pescadores, tem muitas barraquinhas que servem os pratos famosos na região, comemos com muito gosto pois já eram quase cinco da tarde e não tínhamos comido nada além do café-da-manhã da pousada (excelente por sinal).

 Ponte Newton Navarro, Natal-RN  - Foto: Canindé Soares

Ponte Newton Navarro, Natal-RN – Foto: Canindé Soares

  Conclusão desta história toda…no dia seguinte de manhã alugamos um carro!!!!!

 Posso dizer a vocês que no Rio Grande do Norte vale mais a pena andar de carro alugado, pagamos R$ 55,00 pela diária com quilometragem livre e ainda nos deram upgrade de carro com ar condicionado, existem várias agências de aluguel na Ponta Negra, vale perder uma horinha e pesquisar os preços que variam muito de acordo com a época do ano, e mais, nos poupou de gastar com passeios que pudemos fazer com o carro e ao todo pelas nossas contas economizamos uns 400 reais nos dias seguintes por não pegarmos traslados e guias para ir aos lugares.

      Nós tínhamos ido no ano anterior para Alagoas, onde tudo é muito perto, não houve necessidade de grandes gastos, para todo lugar tinha van ou ônibus urbano  e tudo muito perto e rápido. Só que aprendemos uma dura lição! Portanto pesquise bem antes de viajar e tenha sempre um mapa em mãos, no celular mesmo que indique as distâncias e horários das atrações. Como disse anteriormente, se formos pensar em viajar pelos meios tradicionais, ficaríamos fazendo contas e desistiríamos antes de tentar. Todos têm a possibilidade de desfrutar de experiências fantásticas sem um custo elevado, meu objetivo aqui é tentar passar as noções e estratégias que usamos, nesta viagem, compramos a passagem com as milhas da compra de uma geladeira! Foi como se eu comprasse a geladeira e ganhasse a viagem de graça!

       Tenho muito ainda pra contar…

Votar

0 ponto

Total de Votos 2

Votos Positivos: 1

Upvotes percentage: 50.000000%

Votos Negativos: 1

Downvotes percentage: 50.000000%

Este post foi criado com o nosso formulário super fácil e rápido! Envie seu post!

Comentários do Facebook

comentários

Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

To Top

E aí, tudo bem? Bora logar!

ou

Entrar

Esqueceu a senha?

Ainda não tem uma conta? Cadastro

Fechar
de

Enviando Arquivo…