Blog

Os 10 países mais difíceis de visitar…

…segundo alguém que antes dos 40 anos conheceu todos os países do mundo.

Dia desses o UOL Viagem publicou a história do norueguês, Gunnar Garfors, que com 37 anos já visitou todos os países do mundo; os 193 membros das Nações Unidas, mais Kosovo, Vaticano, Palestina, Saara Ocidental e Taiwan. Ao jornal chileno El Dínamo, o viajante falou sobre quais foram os países que encontrou mais dificuldade para visitar e os 10 citados foram:

10- Síria

Por um motivo um tanto quanto óbvio, o viajante diz que a dificuldade é por conta da guerra civil que destruiu boa parte do país.

Grande Mesquita de Damasco | Foto: Alessandra Kocman.

Grande Mesquita de Damasco | Foto: Alessandra Kocman.

9- Turcomenistão

O viajante aconselha a contratação de um guia para aqueles que queiram visitar o país e foi bem claro: Pague antecipadamente!

Área do Palácio Presidencial, na cidade de Asgabate | Foto: Ashgabat Turkmenistan.

Área do Palácio Presidencial, na cidade de Asgabate | Foto: Ashgabat Turkmenistan.

8- Somália

Por conta da burocracia e da dificuldade de encontrar uma de suas poucas embaixadas mundo afora. O viajante recomenda a embaixada do país na Turquia.

Gunar na Somália | Foto: Garfors.com

Gunnar na Somália | Foto: Garfors.com

7 – Líbia

Após a morte de Gaddafi, o país mergulhou em uma violenta guerra civil.

Oásis Um El Ma, em área do Saara líbio | Foto: mvongrue.

Oásis Um El Ma, em área do Saara líbio | Foto: mvongrue.

6- Paquistão

Além da possibilidade de ataques e da violência, obter um visto para ir a este país é muito complicado segundo Garfors.

Área da praia de Manora, em Carachi a cidade mais populosa do Paquistão | Foto: Faisal Saeed.

Área da praia de Manora, em Carachi a cidade mais populosa do Paquistão | Foto: Faisal Saeed.

5- Afeganistão

É um dos países mais violentos do mundo, segundo Garfors.

Gunar e soldados na fronteira Afeganistão-Irã | Foto: Garfors.com

Gunnar e soldados na fronteira Afeganistão-Irã | Foto: Garfors.com

4- Arabia Saudita

Não é permitida a entrada de mulheres sem a companhia de um homem…

Vista da cidade de Riade, capital da Arábia Saudita | Foto: Stephen Downes.

Vista da cidade de Riade, capital da Arábia Saudita | Foto: Stephen Downes.

3- Eritrea

Segundo Garfors é o único país com menos liberdade de imprensa que a Coreia do Norte, embora este último não seja tão difícil de visitar.

A ferrovia da Eritreia foi construída durante o período colonial italiano | Foto: Wikimedia commons.

A ferrovia da Eritreia foi construída durante o período colonial italiano | Foto: Wikimedia commons.

2- Guiné Equatorial

Especialmente difícil pelas chegadas de turistas quase intransponíveis impostas pelo ditador barreiras Teodoro Obiang.

Vista do porto de Malabo, capital da Guiné Equatorial | Foto: Embassy of Equatorial Guinea.

Vista do porto de Malabo, capital da Guiné Equatorial | Foto: Embassy of Equatorial Guinea.

 

1- Angola

Segundo o viajante, Angola foi o país que mais lhe custou entrar, ele explica que são muitos documentos e formalidades solicitadas para a autorização de entrada, e uma vez atendida a demanda, eles pedem ainda mais.  Gunnar conseguiu apenas uma autorização temporária e extraordinária, o que lhe permitiu pisar no país por algumas horas e depois sair.

Área da Cidade Alta de Luanda | Foto: David Stanley.

Área da Cidade Alta de Luanda | Foto: David Stanley.

O viajante

O viajante e amigos no Quirguistão, que não está na lista de países citados por ele como sendo um dos mais difíceis de visitar | Foto: Garfors.com

O viajante e amigos no Quirguistão, que não está na lista de países citados por ele como sendo um dos mais difíceis de visitar | Foto: Garfors.com

Record mundial

Garfors conseguiu visitar em menos de 24 horas (mais precisamente 23 horas e 33 minutos) nada mais nada menos que 19 países. Mais sobre o record no site Record Setter e no site do viajante.

Foto: Garfors.com

Foto: Garfors.com

 

Livro

Em 2013, Garfors lançou o ‘198: How I ran out of countries’ (algo como ‘198 [referindo-se ao número de países que visitou] Como não tenho mais países para visitar’), livro no qual conta suas experiências mundo afora. Mais informações sobre o livro e como adquiri-lo, aqui.

Foto: Garfors.com

Foto: Garfors.com

Votar

0 ponto

Total de Votos 0

Votos Positivos: 0

Upvotes percentage: 0.000000%

Votos Negativos: 0

Downvotes percentage: 0.000000%

Comentários do Facebook

comentários

Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

To Top

E aí, tudo bem? Bora logar!

ou

Entrar

Esqueceu a senha?

Ainda não tem uma conta? Cadastro

Fechar
de

Enviando Arquivo…