Blog

Precisamos conversar sobre overbooking e os casos United Airlines


Olá pessoal!

Semana passada a internet ficou chocada com dois casos envolvendo a United Airlines e a postura de seus funcionários em situações de overbooking. Caso você não tenha acompanhado o ocorrido, leia as matérias da Exame, Época Negócios e G1.

Explicando o Overbooking

Overbooking significa excesso de reservas e acontece quando a venda ou reserva de bilhetes fica acima do número de lugares realmente disponíveis na aeronave. As principais causas que levam a Cias aéreas ao overbooking são:

  • Troca de aeronave não programada:

Acontece quando por problemas técnicos uma aeronave maior precisa ser trocada por uma menor, reduzindo os assentos disponíveis e causando o overbooking.

  • Cancelamento de voos:

Por questões operacionais ou climáticas alguns voos são cancelados, necessitando que os passageiros prioritários como idosos e adultos com crianças de colo sejam relocados em outros voos. Nesses casos, a cia aérea pode realizar o overbooking com o intuito de anteder essas recolocações.

  • Acomodação de passageiros que perderam suas conexões:

Por motivos de atrasos na liberação de um voo, alguns passageiros acabam perdendo suas conexões. Para corrigir esse atraso a Cia aérea precisa realocar o passageiro em outro voo. Nesse caso, a empresa pode fazer o overbooking para atender passageiros com conexões perdidas.

  • Venda de passagens acima da disponibilidade de assentos:

Os softwares das Cias aéreas calculam o índice médio de “no show” (quando o passageiro não aparece) em cada rota, voo e data. A partir daí vende esse percentual de assentos adicionalmente à capacidade do avião, para maximizar a ocupação do avião. O problema é que quando o software erra e as pessoas aparecem no embarque, não existem assentos disponíveis para todos, ocasionando o overbooking.

Regras Anac 2017

Esse ano fiz uma postagem sobre as novas regras da Anac para 2017 (veja aqui), onde existe uma alteração nos casos de overbooking:

“Nos overbooking onde o passageiro confirme sua reserva e chegue no horário do voo, as companhias aéreas deverão indeniza-lo imediatamente, existindo um valor minimo  de R$ 1.140 em voos domésticos e R$ 2.280 em voos internacionais pagos em espécie, transferência bancária ou voucher, além das demais compensações previstas em lei.”

 

As demais compensações são ligadas a hospedagem, transfer e alimentação que são de responsabilidade da cia aérea nos casos de overbooking.

 

airport-285592_1920Foto: Creative Commons

***MINHAS CONSIDERAÇÕES***

Parto da premissa que overbooking existe desde os primórdios das Cias aéreas com o 14 bis, não é algo que iniciou esse ano para que a United Airlines trate seus passageiros de forma tão desumana e ameaçadora. Antes de clientes estamos lidando com pessoas que pagaram e por muitas vezes um valor alto, pelo direito de voar naquele horário por aquela empresa.

Ao ler e ver as imagens sobre os acontecimentos me questiono sobre o preparo dessas pessoas para lidarem com seus clientes, o trauma causado as vitimas e a todos os passageiros que assistiram o ocorrido. Qual a política de fidelização de clientes, solução de problemas e fortalecimento da imagem da empresa essa empresa possui?

É valido lembrar que o overbooking é um problema da Cia aérea e não de quem comprou o aéreo, cabe a ela buscar a melhor solução para que ninguém sai lesado nesses casos, fazendo a diferença e oferecendo até mesmo além do que a lei solicita, cuidando desta forma da imagem da empresa e respeitando seus consumidores.

Infelizmente nós desbravadores constantemente nos deparamos com o despreparo do setor turístico, isso envolve todos os seus segmentos desse mercado. Existe muita gente competente trabalhando na aérea, mas é impossível negar que é necessário criar uma visão mais profissional ao setor que e emprega e gere renda a muitos países.

E vocês, o que acharam da postura da empresa com seus passageiros? Deixe seu comentário sobre o assunto.

Gostou dessa postagem? Leia também sobre As novas regras da Anac em 2017.

Au Revoir, Ciao, Hasta Luego, See you later, Até logo!

Michellândia

Nas redes ?

Blog Michellândia
Facebook: @blogmichellândia
Instagram: @blog_michellandia
Bloglovin’: Michellândia
Linkedin: Michelle Graça
Mochila Brasil: Autora Michelle Graça

Votar

4 pontos
Upvote Downvote

Total de Votos 4

Votos Positivos: 4

Upvotes percentage: 100.000000%

Votos Negativos: 0

Downvotes percentage: 0.000000%


Comentários do Facebook

comentários

Clique para comentar

Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

To Top

E aí, tudo bem? Bora logar!

ou

Entrar

Esqueceu a senha?

Ainda não tem uma conta? Cadastro

Fechar
de

Enviando Arquivo…