Blog

Brasileiros! Precisamos visitar mais a Amazônia!


É um fato que nós brasileiros ignoramos as nossas florestas. Só nos lembramos que elas existem quando saem notícias de recordes de desmatamentos.

Em termos de turismo então é ainda pior. É muito mais comum as pessoas querendo fazer um mochilão no Chile, Bolívia do que na nossa floresta amazônica. E isso é um grande erro pois a Amazônia é fantástica.

Amazônia

A beleza da floresta submersa | Foto: amoviajarbarato.com

Quando estava em Manaus peguei um pacote da selva. Ele me dava direito a ficar num hotel a beira rio, dormir num acampamento em plena selva, pescar piranha, visitar ribeirinhos, pegar jacaré, essas coisas turísticas mas que nos dão uma mostra da riqueza desse lugar.

Pesca de piranha - Reserva do Juma

Pescando piranha ou no meu caso só tentando | Foto: amoviajarbarato.com

Reserva do Juma

De Manaus pegamos uma hora de estrada até um pequeno porto e de lá mais uma hora de barco até o hotel que ficava na Reserva do Juma.

Quartos coletivos arrumados com direito a restaurante a beira rio e um deck para pegar um sol e nadar com piranhas e jacarés.

Reserva do Juma

Um deck para pegar um sol em plena selva | Foto: amoviajarbarato.com

Nosso guia era o Osmar, um índio da região que serviu o exército e depois virou guia. Falar inglês é requisito básico na Amazônia pois a maioria absoluta dos turistas são de fora. Nos dias que passei lá, tinha somente uma família brasileira do interior de São Paulo. Todos os outros hóspedes eram de fora tinha gente da Nova Zelândia, Israel, Inglaterra, Coréia, Canadá, todos mais interessados no nosso país que nós mesmos.

Reserva do Juma

Aqui tem piranha? Jacaré? Não tem não! Mentira! | Foto: amoviajarbarato.com

Na selva naveguei pelos iguapós, o labirinto de árvores formado pela floresta submersa.

Dormi em um acampamento na selva e confesso que fiquei com medo. A floresta não é silenciosa, a noite barulhos estranhos vindo da água e de manhã os macacos gritando.

Também pesquei piranha ou tentei pelo menos, porque não peguei nada e ainda fomos numa noite pegar jacaré, quer dizer, o Osmar pegou jacaré assustadoramente próximo de onde estávamos nadando no hotel.

Esclarecendo que essa prática de pegar jacarés é comum entre os índios, funciona como uma disputa entre eles e acabou virando uma atração turística mas não interfere em nada na vida dos jacarés pois eles são pegos no seu próprio habitat, o guia nos mostra, dá uma explicação sobre o animal e o devolve para a natureza.

Pelo menos o que visitei era assim e recomendo outros que façam da mesma forma.

E ainda teve caminhada pela mata com direito a comer verme, um churrasco inesperado com os ribeirinhos e um nascer do sol inesquecível.

Reserva do Juma

Uma visitinha ilustre no hotel | Foto: amoviajarbarato.com

Como ir

Para passar alguns dias na selva você pode contratar um pacote nas agências de turismo de Manaus. Pesquisando bem e escolhendo acomodações coletivas não fica muito caro considerando que está tudo incluso, transporte,  hospedagem, passeios e 3 refeições por dia. Como referência paguei 600 reais por 4 noites em 2015.

Você pode ler sobre minha aventura completa na Amazônia no meu blog Amo Viajar Barato e claro não deixe de seguir no Facebook e Instagram.

Votar

8 pontos
Upvote Downvote

Total de Votos 14

Votos Positivos: 11

Upvotes percentage: 78.571429%

Votos Negativos: 3

Downvotes percentage: 21.428571%


Comentários do Facebook

comentários

Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

To Top

E aí, tudo bem? Bora logar!

ou

Esqueceu a senha?

Ainda não tem uma conta? Cadastro

Forgot your password?

Enter your account data and we will send you a link to reset your password.

Your password reset link appears to be invalid or expired.

Fechar
de

Enviando Arquivo…