Mochilosfera

Blogueiras saem em mochilão LGBT pela América do Sul

Gabi e Fabia são blogueiras de viagem e além de mostrar os destinos tradicionais, abordam questões LGBTs no blog Estrangeira. Depois de receberem muitas dúvidas de leitores sobre a segurança de viajar na América do Sul, elas resolveram fazer uma viagem de 45 dias pela região.
As duas embarcam dia 1º de novembro de 2016 rumo ao Uruguai, Argentina, Chile, Bolívia e Peru. A ideia é investigar a realidade LGBT em cada uma das cidades visitadas e entender como os viajantes são recebidos.

Serão 45 dias de viagem | Foto: Divulgação.

Serão 45 dias de viagem | Foto: Divulgação.

“O ‘Turismo LGBT’ está em alta, mas é muito fácil ganhar dinheiro em cima da população LGBT… Difícil é ser friendly de verdade, vestir a camisa e contratar LGBTs, né? E nessa viagem é exatamente isso que vamos investigar!” escreve Gabi no blog.
A ideia do casal é produzir diversos artigos e vídeos sobre as experiências vividas durante a viagem. Serão mostrados passeios, hotéis, restaurantes e iniciativas LGBTs ou LGBTfriendlys nos destinos.

Gabi e Fábia são casadas, ativistas LGBT, documentaristas e autoras do Estrangeira | Foto: Divulgação.

Gabi e Fábia são casadas, ativistas LGBT, documentaristas e autoras do Estrangeira | Foto: Divulgação.

“Ser turista e LGBT faz com que as nossas viagens sejam diferentes das viagens de pessoas heterossexuais/cisgêneras. Não acreditamos que exista um tipo específico de “viagem gay” ou “viagem LGBT”, mas há algumas preocupações e coisas que fazemos para nos proteger que nunca passariam pela cabeça de uma pessoa não-LGBT. Antes de comprar a passagem, temos que pesquisar se é permitido ser LGBT naquele destino, se existem leis, agressão física ou verbal… Acontece também de casais de gays e lésbicas passarem por constrangimento em hotéis. Mesmo quando reservamos antes um quarto com cama de casal, ao chegar na recepção muitas vezes nos deparamos com olhares, cara-feia e perguntas descabidas. Eu e Fabia já ouvimos: “Mas tem certeza que vocês querem cama de casal mesmo?” Nenhum casal heterossexual passa por esse questionamento.
Nós pretendemos investigar a realidade e fazemos questão de mostrar que LGBTs são consumidores e sobretudo seres humanos que merecem respeito. Vamos orgulhosas, carregando nossas bandeiras do arco-íris (literalmente) e empolgadas para explorar a América do Sul.” dizem Fabia e Gabi.
Fabia e Gabi são casadas, ativistas LGBTs e dirigiram o “Vestidas de Noiva – Um documentário sobre o Casamento Homoafetivo no Brasil” (Que você pode assistir logo abaixo)

Mais sobre o blog e a viagem podem ser conferidas no site, Facebook, Instagram e no canal que elas mantém no YouTube.

Comentários do Facebook

comentários

Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

To Top

E aí, tudo bem? Bora logar!

ou

Entrar

Esqueceu a senha?

Ainda não tem uma conta? Cadastro

Fechar
de

Enviando Arquivo…