Vídeos

Dentro de nuvem, instrutor e aluno de parapente passam momentos difíceis no Rio

Uma das atividades no Rio de Janeiro é voar de Parapente. No último dia 17, um instrutor do Clube São Conrado de Voo Livre e um aluno, um comerciante paulista foram parar no meio de uma nuvem depois de saltarem da Pedra Bonita, zona sul da capital fluminense.
Foram 4 minutos sem saber exatamente onde estavam e nem como a ‘aventura’ acabaria. Ao final do vídeo (abaixo) é possível conferir o agradecimento a Deus feito pelo instrutor.
Considerado experiente, Luiz Gonzaga Pereira de Souza tem 15 anos de profissão e foi afastado temporariamente do clube. “Ouve excesso de confiança” de acordo com o vice-presidente do Clube São Conrado de Voo Livre, Augusto Prates.
Já o aluno, Sudmar Francin, diz que ‘voaria de novo’ apesar do susto e isenta o instrutor de culpa, afirmando que tudo não passou de uma “infelicidade”, já que na hora em que pularam o céu estava limpo e após poucos minutos de voo a forte neblina os tomou e uma forte rajada de vento levou ambos para dentro da nuvem.
Em reportagem ao G1 ele disse que não pretende processar o instrutor ou o clube.

Com informações do G1 (onde é possível obter mais detalhes sobre o caso, aqui e aqui).

História com um final (ainda mais) inacreditável

No vídeo abaixo você pode conferir a simulação da incrível história de uma competidora alemã, Ewa Wisnierska, que foi ‘sugada’ por uma tempestade durante um campeonato mundial de Paraglider na Austrália, em 2007. Ela chegou a quase 10.000m de altitude. Por ali, praticamente sem oxigênio e onde a temperatura pode chegar a 50 graus negativos Ewa sobreviveu.

[Dica de postagem do fotógrafo carioca, Daniel Cruz]

Foto: Reprodução

Comentários do Facebook

comentários

Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

To Top

E aí, tudo bem? Bora logar!

ou

Entrar

Esqueceu a senha?

Ainda não tem uma conta? Cadastro

Fechar
de

Enviando Arquivo…